sábado, 1 de dezembro de 2012

Um dia assim...

Onde penso nas voltas em que a mente e o coração dão. Procurando o caminho correcto. A direcção ficou perdida num tempo parado onde tu coexistes... As memórias são tudo. E por vezes apenas são memórias.

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Pelo caminho

pelo caminho amor,deixo-me! Uma rua sem chão ao descoberto, um caminho até ti, no profundo que sinto ser o teu EU. Ali onde tu existias, agora existe uma morte assinalada com a falta de ti em ti mesmo, dou conta que já não és o ontem nem tão pouco serás quem eu jurei um dia saber por dentro. No fundo, sinto-te achado no mundo e perdido em ti. Mas talvez seja eu, a pretender saber se realmente o teu chão está tão só como o que piso em vão. pelo caminho amor. As pegadas vão sendo apagadas como se nunca tivessem sido feitas e a dor consome o peito, a garganta fehca-se, um ñó afaga as palavras que nem uivo deitam. Em solto o amor.... Já tão morto, pequeno e faminto de o ser AMOR... E amanhã como serás? Como seremos nós? Acabou! Ouve bem, acabou. Acabou para sempre e não terminar do fim. Acabou a tentação do sentimento forte que vem e vai e vem e come as entrenhas e fere a alma como se fosse apenas esse o proposito nosso, de comer as entrenhas e morrer na borda do prato, sem o tal que se procura do Amor. Repara ACABOU a última vez foi esta, a última vez desta dor foi esta. Porque para mim o caminho amor, não é este, o caminho que se procura nunca foi este. Por isso, ouve bem, foi a última vez, jamais se repete a mesma caminhada, porque eu não quero, nem permito que tamanha avareza se torne novamente no peito, fechando-o em si, acabou. Porque o caminho amor, não é este. O que é caminho amor, é o amor e este este caminho já nos foi dado, por isso acabou. Porque o caminho do amor, amor, não é este.

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Dedicatória à Alma

http://www.youtube.com/watch?v=222ZoZvinjc&feature=colike Do nada, sem sabermos o porquê se quebra o elo entre o céu e a terra do nada, sem aviso previo sem revisão, sem lentidão partes! Partes, deixando inteiras as vidas pelas quais passas nem que seja em memória... Não morre jamais quem da vida deu e na vida fez outras vidas nascerem das suas cinzas! Partes, mas o teu rasto, fica vincado nos que em ti beberam a vida... Do nada, nem aviso perante tamanha decisão divina nada podes senão obedecer. Palavras tuas, tão bem que as proferias em poemas de eterna saudade aos olhos e corações dos que a ti vêem partir, assim do tal nada essas ecoam pelos ventos, que sonetos transportam tamb´´em a tua Alma. Partes, e eles e elas sabendo disto entristecem por dentro chorando as suas lágrimas por fora... esquecem porém que quem fez uma obra jamais PARTE! RIP à poeta do amor á mulher mãe à mão que tantos sonhos embalou ao coração que deu calor a todos outros... Um castelo sem sua rainha fica vazio, sem dúvida Mas essa rainha só quer que o castelo siga e progrida em cada passo. In memory of a Poet

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Uma unica noite

Durou uma vida inteira. Recordo, como o coração batia (e bate) quando as tuas palavras até mim caminham.É sempre um desperdicio deixar-te sair de mim, para mais uma noite ficar nua, nua numa cama que te espera, numa no carinho que te toca, nua no respirar em duo. Tu ficas sempre com o teu lugar reservado para mais uma noite de memórias continuas tuas. Tu olhas o tecto na esperança de lá ficar alguma imagem registada, marcando o que foi (o que é). Amor um dia, e esse dia chega (acredita), um dia a mesma cama e o mesmo tecto olham-se e nós seremos testemunhas desse acontecimento, até lá ama-me, porque para mim tu serás o tudo.

terça-feira, 6 de novembro de 2012

still

I'm still breathing... and still so far it hurts!

domingo, 21 de outubro de 2012

...

Vai aonde o amor te leva e corre até que te doam as pernas... Grita até o som da tua voz perder para o silêncio... Ama até onde o odio chega e torna-o amor. Faz o que te faz viver sem medo da morte. Ama sempre sem questionar o motivo... ps: só perdemos quando não arriscamos ganhar! amar é mais do que o respirar é o viver em cada parte de ti.

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

...

O meu maior AMOR são os outros Os que passam, os que ficam a olhar, os que me olham sem ver e os que observo saboreando cada parte do ser... O meu silêncio fala alto aos ceus e tão pouco à humanidade...

domingo, 14 de outubro de 2012

Olhos nos olhos

Fico olhando-te para o rosto sem dar tempo ao tempo nem razão à razão Só porque te amo nos gestos teus nos quais os meus se decompõem em amor e no amor olho-te sem pensar na causa ou efeito que poderá ter aos olhos do Universo olho-te porque no meu fundo te amo. não me és estranho nem ordinário olho-te assim porque te amo mais e mais de mim fixos em ti porque te quero mais e mais porque te sinto mais e mais e mais amo-te e fico-me olhando o que mais em ti amo tudo no sopro do meu amar. ps. i love U

terça-feira, 9 de outubro de 2012

Hoje

Hoje era o dia dos teus lábios tocarem os meus... Hoje era o dia que incansavelmente os nossos braços estariam ligados num futuro longínquo. Hoje era o dia do sempre!

domingo, 7 de outubro de 2012

You are always in my mind

When my eyes close, I do believe that I won't dream you, but again you show up in the most misterious ways. My heart screams for you like you could somehow save it from the fall. I miss you love. In all the moments I breath in and out... Somehow you are missed in. :-(

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

straight to your heart

i'll stick to your heart straight to your heart i can't get to your heart she said five seconds and you're high straight to your heart i can't get to your heart thinking bout the right time talk in your head, to be mine give you a sign i don't believe in you you don't believe in me so how could you make me cry five seconds to your heart straight to your heart i can't get to your heart there's no way to get iron five seconds to your heart straight to your heart i can't get to your heart five seconds to your heart straight to your heart i can't get to your heart she said five seconds in your heart straight to the heart i can't to your heart you keep loosing on on a stream could you feel when it comes it sounds like and when it comes we kiss when it comes it sounds like and when it comes we kiss [ From: http://www.elyrics.net/read/t/twin-shadow-lyrics/five-seconds-lyrics.html ] five seconds in your heart straight to the heart i can't get to your heart she said five seconds in your heart i can't get to your heart that's no way to get it on five seconds in your heart straight to the heart i can't to your heart i'm not trying to make you cry i don't believe in you you don't believe in me so how could you make me cry that's no way to get it on i don't know why but i'm not trying to make you cry five seconds in your heart straight to your heart i can't get to your heart five seconds in your heart straight to the heart i can't get to your heart that's no way to get it on i don't know why but i'm not trying to make you cry five seconds in your heart straight to your heart i can't get to your heart five seconds in your heart straight to the heart i can't get to your heart * http://youtu.be/VJrozHgXbCI . http://www.youtube.com/watch?v=HiC9XNQSxFQ

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

ter-te perto seria tudo... porque faz sentido ter o que se ama proximo onde quer que estejas tens por perto a minha alma.

Volta de dentro de ti

Partiste. Sem que o aviso fosse visivel. Um desaparecimento de dentro, uma mágoa que fica, vinca, fere, nega-me a existência continua. Presa fácil do teu olhar, do teu sorriso, só teu e que amo. Partiste, assim, do nada... Sinto em mim a vontade nua, crua de ti como sempre o foi. Nego-me, a dizer que sim porque o sim já não é meu... Sinto como se abando fosse o sentimento enlouqueço a cada dia noto isso, pelo retracto em que a vida se transforma. Sinto-te, ainda assim, e corro em mim como se te pudesse abraçar talvez até sentir mais uma e outra, e mais uma e outra vez em mim de verdade. Sinto, que já estamos na palavra "End" a tão indesejada Podia ter sido tudo! Podia ser mais do que isso tudo um todo. Partiste. Já não sei que luto faça, não sei que luta lute, pois tudo parece em vão. Amor, partiste... Tudo é em vão.

sábado, 2 de junho de 2012

Desenho e afins com Ricardo Campus

Uma boa ideia de alguém cheio de ideias. Um mestre no campo da caricatura lança desafio aos interessados já sabem, é correr e encontrar a oportunidade que se abre. OFICINA DE ARTES, espaço com cursos de pintura e desenho! As pré-inscrições já se encontram abertas e os interessados podem consultar mais detalhes no menu "Cursos" ou solicitar mais informações através do email: info@oficinadeartes.net http://www.oficinadeartes.net/ Corram aproveitem... PS: boas aulas Ricardo...:-)

quarta-feira, 30 de maio de 2012

segunda-feira, 21 de maio de 2012

http://www.youtube.com/​watch?v=UgwP9Tbp9f0&feature=rel​ated Amar deve ser aquele sentimento que nos deixa cheios e vazios ao mesmo tempo... Enche o peito por ver que parte está feliz e no encontro dos seus passos... Fere o não estar... Dual como os lados do mesmo Moeda musculo que não gira mas vibra.

sábado, 19 de maio de 2012

Uma dadiva tu

http://olhares.sapo.pt/ritmos-apressados-foto4995148.html?nav1 Já te sonho em cada espaço num recanto qualquer desenho-te o rosto sem encontrar pedaço em parte alguma perdido e perdidas as batidas de um tempo já gasto vêm e vão corações em rodopio secreto correm, porque correm sem parar as mesquinhas falhas do amor. vejo-te ali e ali, acolá também mas sem nunca estares ali e acolá como louco, onde o tempo é escaso, o espaço nulo e em vão toda a esperança do Mundo revejo o sorriso, aquele tal sorriso que me enfurece a alma me acorda no sono me levanta o olhar e corroi todo o esgar da vida... quem me dera mandar num tal tempo perdido num tal de amar vencido num tal espaço quem me dera poder romper comigo e me casar eternamente contigo bem haja a quem o pode porque aqui apenas se morre.

quarta-feira, 16 de maio de 2012

....

Não me derreto nos teus lábios, que em veneno me falam.
Não oiço as tuas palavras mortas de sentido.
Não te sonho sequer acordada.

Assustadoramente fisico...

A nossa mente não tem limites, há inumeros locais ainda desconhecidos, com processos que nos deixam completamente à toa, e tudo é mente, e o seu poder, poder esse incalculavel e indecifravel, nem mesmo a capacidade nossa de memoria se contabiliza pois vasta é a sua capacidade de consumir informação.

Mas o nosso corpo, esse mostra sinais, dá-nos escolhas, oferece uma capacidade enorme de resistencia mas sempre com parametros mais ou menos homogeneos de limitacoes que só ele responde. cabe a cada um entender os seus proprios limites, pois cada corpo tem suas fragilidades e limitacoes.
Afinal, apesar de tudo somos todos tão diferentes.

Como bom touro que sou, o meu corpo é levado a extremos, onde apenas sinto o seu limite quando a margem da insanidade foi ultrapassada. ironicamente, a mente é a primeira a dizer pára, mas ao mesmo tempo a ser calada, para que o corpo nao oiça, pois o cansaço faz dessas, já me tinha dito a mente para descançar, mas não liguei.
Apesar da idade algo me diz que, o meu corpo pode ter tido uma trombose, eu explico. recentemente fragilidades sustentam os dias que correm, o corpo apenas deixou de responder ficou morto, adormecido, deixei de ter lado esquerdo, parou...

A Quinta

Não, não se trata de uma quinta real, nada disso.

Para meu espanto, estou fã do facebook.

Sob gotas

Abuso

Pediam com os olhos, pediam, todo o tipo de coisas, das mais tolas, fúteis às mais lógias e cívicas, mas constantemente o pedido vinha com um piscar de olhos, pronto a algo mais.

Fingias que não entendias metade de toda a informação. Agradecia, o facto de assim o ser.

Name

_ So,today you call my name, as if you have somehow remembered the name of some Goddess...
As if...
pelas escadas deambulavam os pés, que descalços sobem cada degrau,

...


Workshop FASHION

https://www.facebook.com/profile.php?id=687433123&ref=tn_tnmn#!/photo.php?fbid=413789848642650&set=a.413788428642792.92850.413543035333998&type=1&theater


A quem gostar... Fica aqui uma sugestão de beleza.